Confira!

[Crítica] O Pequeno Príncipe: Encantador e valioso como o livro

critica-o-pequeno-principe

Finalmente conferi a animação “O Pequeno Príncipe” que tanto aguardei no último ano. Como sou o tipo de cinéfilo que se emociona muito com histórias, já fui meio que preparado para me emocionar com a parte da história adaptada do livro de Anthony Saint Exupery, mas o que eu não podia imaginar é que essa animação teria uma história tão cativante quanto a do livro. Um elemento surpresa nessa nova adaptação do conto do principezinho mais querido da literatura, enche os olhos (não só de lágrimas ) do expectador que acompanha de coração aberto a animação francesa.
o-pequeno-príncipe-2015
Uma animação definitivamente para o público adulto! É claro que crianças podem se encantar e aprender com a animação, mas são os adultos que assim como o livro de Saint Exupery, são pegos de jeito.
O Diretor da animação conseguiu captar e passar em seu filme brilhantemente o sentido do livro. Esse mundo de gente grande… esse mundo onde os adultos esquecem com tanta facilidade o que é ser uma criança e o que levar de melhor de sua infância para a vida adulta, são mensagens trabalhadas com perfeição do inicio ao fim da animação.
Chega a ser injusto comparar essa animação com o livro, mas creio que quem conferiu ambos se encantou com os dois. É claro que o livro, é sempre o livro, mas essa animação foi tão fofa, tão meiga, carinhosa e com tantos traços do livro, que a recebemos como um presente aos olhos e ao coração.
Em varias passagens da história, não pude evitar emitir um som próximo a um “Ownnnnnt” ou “Ahhhhhhhhh!!!” ( sons de surpresa e grande satisfação). Era como se em cada uma dessas oportunidades eu estivesse vendo uma das páginas do livro ganhando vida na tela de cinema. E saiba que isso de fato acontece!
pequeno-principe-elefante-e-cobra
A animação não poderia começar melhor, mostrando os primeiros desenhos do livro sendo rabiscados e coloridos enquanto o “Aviador” começa a contar sua história de infância, É… temos que concordar, os adultos são mesmo estranhos! E logo nesse início que recebemos de bandeja a principal mensagem a ser trabalhada.
“O problema não é crescer é esquecer!”
A trilha sonora é super contagiante e francesa e nada americanizada. Itens que nos ajudam a prestigiar a animação no mesmo contexto do livro, que é francês. Doce, leve, divertida, fofa, tocante… ahhhhh, difícil não notar sua influência no que sentimos ao acompanhar o longa. Algumas canções nos preparam para chorar, outras para refletir sobre valiosas lições.

Confira a Trilha Sonora de O Pequeno Príncipe aqui!

As várias formas de contar a história são uma mais encantadora que a outra. A principal história da menina e o Aviador, são feitas em computação. As cenas do livro são feitas no formato de papel machê, detalhe que ficou simplesmente maravilhoso e devo repetir… ENCANTADOR! Há ainda varias cenas feitas por computação que exibem em perfeição na história varias das páginas do livro, assim como fazem algumas de suas aquarelas ( que foram desenhadas e pintadas pelo próprio autor do livro ) ganhar vida ali… na sua frente. É como se fosse mágica sabe?! Como se você de fato estivesse lendo e imaginando aquela história ganhando vida. Foi essa a sensação que tive!
A dublagem nacional, não foi nada ruim. Achei que as duas vozes emprestadas ao Aviador por Marcos Caruso e a da Menina pela garota que fazia Carrossel, fossem não combinar ou funcionar com a história, mas caíram como uma luva para os personagens. E o que foi a voz do Principezinho de papel machê?! A Coisa mais fofa e pura do mundo!!!
Um dos meus “Ownnnnt” ou “AAhhhhhhhh!!!” foram primordialmente para a cena onde o pequeno príncipe aparece e diz:
“Por favor, Desenha-me um carneiro!”
Quem leu o livro certamente se sentirá presenteado com o que chamei de grande surpresa da animação. O diretor da animação conseguiu ir além em sua adaptação, conseguiu contar uma história contemporânea tão próxima do que tantos vivem, contar a história do Pequeno Príncipe com tanta sutileza e perfeição, e ainda introduzir a história algo que os leitores do livro se pegam a imaginar após ler a última página do livro.
Só conferindo para você ver o tamanho de cada mensagem que a animação nos ensina. É como disse a amigos: “A história do Pequeno Príncipe por si já é uma grande lição. Mas a animação consegue ir a fundo sobre diversas outras lições”. É como se tudo ali, o “obrigasse” da mais bela das formas… a refletir sobre aquelas lições, sobre aquelas mensagens… sobre as coisas desse nosso mundo tão adulto.
“Eis o meu segredo: Só se vê bem com o coração. O essencial é invisível aos olhos.”
É difícil não se emocionar com um ou vários dos personagens que aparecem na tela para nos “cativar” e ensinar algo sobre o que realmente é importante na vida. O que é certo e posso afirmar, é que ao terminar o filme as reflexões sobre diversas mensagens passadas ao longo do filme, lhe acompanham da poltrona que você estava sentado no cinema até a sua casa. E de lá é com você o que fazer com cada uma delas!
Por Bruno Vieira
Anúncios
Sobre Bruno Vieira (760 artigos)
Estudante de Comunicação Social – Publicidade, tem 27 anos e adoraria se lembrar do primeiro filme que viu em sua vida, mas o que passa em sua mente são flashs de sessões da tarde, com muitas aventuras, romances e filmes de terror da década de 80 e 90. Aprendeu a amar e se emocionar ( e tem prazer em chorar ) com o gênero drama. Gosta de comédia e ação e adora musicais e fantasia. Outro amor são as animações, filmes de heróis e tudo aquilo que faça qualquer um viajar com o poder da imaginação. Se identifica muito com o personagem Woody (Toy Story) pelo o quanto ele valoriza e faz pelas amizades. Um herói? Claro… O Homem-Aranha.

1 Trackback / Pingback

  1. [Trilha Sonora] O Pequeno Príncipe (Le Petit Prince) | Clube de Cinema Petrópolis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: