Confira!

[366 Filmes] Cold Mountain – (14/366)

Cold-Moutain-filme

As vezes, o livro da capa, nesse caso, do DVD nos chama a atenção a conferir muitos títulos. Seja pela arte, pelo título, pelo nome de diretores, ou na maioria das vezes… pelos seus Astros…

“Cold Mountain” (2003), com Jude Law, Nicole Kidman, Renée Zellweger e ainda Natalie Portman no elenco, conta uma história de amor com uma guerra como contexto principal.


Sinopse: Após o término da Guerra Civil Americana, o soldado Inman Balis (Jude Law) inicia o percurso para retornar à sua casa, na vila de Cold Mountain. Lá está à sua espera Ada (Nicole Kidman), sua namorada, que luta para administrar uma grande fazenda após a morte de seu pai. Para ajudá-la na tarefa chega Ruby (Renée Zellweger), enviada por sua vizinha Sally (Kathy Baker), que cria uma grande amizade com Ada. No caminho de volta, Inman encontra diversos outros soldados, feridos como ele, com quem divide suas experiências da guerra.

De cara, o ponto positivo a favor desse longa é p elenco principal. os mesmos que me despertaram a vontade de conferir ao filme quando peguei a capa do DVD em minhas mãos. Minha maior surpresa, foi saber/ver a Natalie Portman no filme, pois até então eu desconhecia sua presença no elenco do filme.

Para quem gosta de filmes contextualizados em guerras, em paixões, em donzelas esperando seus amados voltarem vivos e salvos da guerra… talvez essa seja uma boa pedida.

Sem grades cenas na tal guerra civil, o filme mostra o personagem de Jude se ferindo em uma explosão durante a guerra, e recebendo uma carta de sua amada contando sobre todas as necessidades que tem passado em sua ausência. Comovido pelo seu amor, seu personagem abandona a guerra e passa assim a procurar o caminho de casa ( a Montanha Gelada), só que os soldados que dão as costas a seu país abandonando a guerra, são procurados, até mesmo mortos. O que não facilita a chegada do personagem de Jude a Montanha Gelada.

Nicole Kidman esta ótima nesse filme. Charmosa, forte, refinada, batalhadora… a tempos eu não a via tão pura num papel quanto a vi neste. Talvez coisa que só o tempo pode fazer mesmo.


Por Bruno Vieira

Anúncios
Sobre Bruno Vieira (760 artigos)
Estudante de Comunicação Social – Publicidade, tem 27 anos e adoraria se lembrar do primeiro filme que viu em sua vida, mas o que passa em sua mente são flashs de sessões da tarde, com muitas aventuras, romances e filmes de terror da década de 80 e 90. Aprendeu a amar e se emocionar ( e tem prazer em chorar ) com o gênero drama. Gosta de comédia e ação e adora musicais e fantasia. Outro amor são as animações, filmes de heróis e tudo aquilo que faça qualquer um viajar com o poder da imaginação. Se identifica muito com o personagem Woody (Toy Story) pelo o quanto ele valoriza e faz pelas amizades. Um herói? Claro… O Homem-Aranha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: