Confira!

[Confira!] Cine Tutorial 2 A Revanche

Mais um Cine Tutorial para você ficar legal! agora sobre Trilhas, sobre Trilhas sonoras

Com um prazer enorme hoje vou falar sobre trilhas sonoras assunto da qual eu sou um apaixonado, afinal é a trilha sonora que contribui e muito para nos ambientar junto a cada cena não é? Com certeza você tem ai na sua cabeça um CD das melhores trilhas sonoras da sua vida! Mais que tal entendermos um pouco mais sobre o assunto agora? Vêm com agente do Clube de Cinema de Petrópolis fazer esta viagem sonora!

Desde a sua concepção, o cinema, sempre usou de recursos para existir em todos os filmes uma trilha sonora, sabe o cinema Mudo? … Então ele nunca foi 100% mudo, até mesmo ali havia um pianista acompanhando as cenas e dando ênfase às partes mais importantes, o que não existia era um recurso eficaz, capaz de captar som e imagem para ser exibida depois.

O primeiro filme com imagem e som sincronizados foi feita pela WARNER BROS e era sobre JAZZ, cantada por um cara chamado AL Jolson, e aí bastava um pouco de observação para enxergar dois tipos de trilhas sonoras existentes: Uma com dedilhadas de piano e outra com um cara cantando! isto foi uma verdadeira revolução para a Sétima Arte. Alguns ainda adotavam o piano nas exibições das projeções, outros adotavam músicas clássicas como: Bach, Mozart, e etc… E havia ainda uma “galerinha revolucionária” que botava Jazz com direito a voz dos cantores!

Cartaz de SINGER, o primeiro filme com sincronia de imagem e som da história

Algum tempinho depois dois caras, um nos EUA e outro na União Soviética desenvolveriam o que ficaria marcado para sempre… Nos EUA, Charles Chaplin (sim é ele! Eu sei que você sabe!) sentiu uma necessidade maior de existir algo sonoro que não fosse apenas dedilhadas de pianos ou músicas clássicas ou até mesmo músicas já existentes, ele queria dar uma pessoalidade maior ao filme exibido com uma trilha própria, no mesmo período Sergei Eisenstein desenvolveu a mesma coisa do lado de lá! com uma diferença, a trilha do Serguei era tecnicamente melhor do que a do Chaplin, nascia ai uma trilha sonora mais particular.

Muitos anos se passaram sem evolução nas trilhas sonoras até que outro cara desconhecido um tal de Walter Disney(Walt Disney) fez uma animação chamada FANTASIA em que as ações aconteciam em função da música e não só havia música tocada como também música cantada. Fantasia trouxe um novo gás para a evolução na música do cinema reacendendo a chama da discussão, as trilhas começam a tomar tal importância que cantores agora desenvolveriam músicas exclusivamente para o cinema… e foi aí que vendo a música cantada tão diferente daquela instrumentada, que foi criada uma divisão entre elas, quando a música é instrumental ela é chamada de SCORE e quando ela é cantada sendo criada especialmente para o filme é chamada de Musica original e tudo faz parte da trilha sonora.

O Oscar mesmo usa esta divisão concedendo prêmios de: Melhor Trilha Sonora (considerando a trilha em SCORE) e Melhor Canção Original que é aquele momento que você fica louco para chegar e ver aquele cantor ou cantora subir no palco e cantar a tal música, vários cantores e cantoras famosos já concorreram a este prêmio: Tina Turner, Adele, Bob Dylan e etc…

Aproveitando e a diferença entre Edição de Som e Mixagem de Som?

No Oscar também existem essas duas categorias, mas qual seria a diferença? A edição de som é aquela que “junta” tudo que se ouve na tela, desde o dialogo, a multidão, barulhos dos mais diversos tipos, além de “criar” novos sons como por exemplo: O barulho do tiro da mão do homem-de-ferro, o barulhinho esquisito do RD-D2 falando, até mesmo o grito do Hulk foi criado com o grunido do ator original, tudo isto é edição de som!

Barulho da arma do Homem-de-ferro um bom exemplo de som criado, ou seja edição de som

Mixagem de som é pegar todo o material sonoro reunido e ver qual será mais alto, qual será mais baixo, qual será a sequência com que o público deverá escutar ou até mesmo não escutar, como no inicío da animação de divertida-mente em que no nascimento da personagem Riley há um enorme silêncio e conforme vai “nascendo” as emoções a música vai tendo cada vez mais instrumentos até completar a trilha(coisa de gênio), ou seja a mixagem de som é exatamente o que o pianista fazia lá no início dar ênfase as cenas só que não mais com dedilhadas de piano e sim com todo material sonoro reunido.

O começo de Divertida Mente reparem na falta e presença de som para criar algo emocional, no momento que a personagem esta brincando no corredor a trilha esta numa velocidade mais rápida dando a ideia de rapidez com que a personagem corre e etc…

Espero mais uma vez ter esclarecido um dos pilares da sétima arte para você, este foi mais um CineTutorial, qualquer dúvida ou sugestão nos mande um e-mail ou deixe um comentário, forte abraço!

Anúncios
Sobre André Souza (18 artigos)
Petropolitano da gema! se mudou para a Somália onde ganhou o titulo honorário de habitante mais bonito, após um ano desta vitória o prêmio foi revogado ao se descobrir que era brasileiro, voltou ao Brasil para terminar os estudos no Telecurso 2000, mas matava muito aula assistindo a sessão da tarde, o vício de consumir filmes piorou quando assistiu Guerra nas Estrelas, anos mais tarde conheceu o amor verdadeiro ao entrar em uma sala de cinema IMAX e conhecer o som de sincronia a laser, reside quando em Petrópolis no Itamarati e durante a semana em algum lugar do Rio de janeiro que permanece um mistério da humanidade! fã babaca assumido de Chloe Grace Moretz, ama animações de tudo quanto tipo, fale mal da mãe dele mas não xingue Christofer Nolan! enfim um cara normal!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: