Confira!

[Critica] Capitão América: Guerra Civil – Um marco do gênero no cinema

Capa-Capitão-America-Guerra-Civil-Filme

No último sábado, após três dias de “tortura”, segurando todas as minhas expectativas Feat minha curiosidade, sem falar na dona ansiedade, que me consumia cada vez mais… finalmente conferi em IMAX, ao filme que mais esperei no último ano, “Capitão América: Guerra Civil”.

Por onde devo começar? Hummmmm… é tanta coisa, mais tanta coisa… que até o começar fica difícil. mas vamos lá!

critica-guerra-civil

Não quero fazer comparações, mas tenho que mencionar, que após conferir “Batman Vs Superman”, fiquei com receio de novamente criar expectativas e sair da sala de cinema desanimado e cheio de questionamentos, como foi com o longa da Dc Comic, que eu gostei, achei legal… mas esperava e acredito que podia ser muito mais. Enfim, não deu para não criar expectativas sobre “Guerra Civil”, e o risco de eu me decepcionar com o filme, era tão grande quanto o filme rival.

Sempre acompanho as criticas de jornais, como O Globo, Folha de SP, o Estado de SP e etc. E nunca para filmes de heróis, essas criticas são realmente positivas, sempre falam que é algo muito visual, ou com a mesma fórmula e mimimi, mimimi. Mas desta vez… ahhhh nem eu acreditei! Todos esses jornais fizeram criticas ótimas sobre o filme. Me surpreendi com cada uma delas, o que elevou minhas expectativas a um nível desconhecido para mim.

O Filme…

Surpreendentemente Espetacular!
Sim, preciso fazer uso dessas duas palavras para passar o que senti sobre o filme! SURPREENDENTEMENTE ESPETACULAR!!!

O filme já começa a definir e contar lembranças da vida de personagens que vão fazer a diferença no rumo do longa, assim como somar emoção, suspense e mistério sobre o passado de tais personagens. O ritmo inicial do filme já é maravilhoso… história… perseguição… trabalho em equipe.. e ação. Muita ação!!!

Já nos 10 primeiros minutos do longa eu me vi inquieto e cochichando coisas com meus amigos no cinema… era coisa boa demais em cena! As cenas de perseguição, de luta e trabalho em equipe dos heróis contra os “bandidos”… sensacional! A habilidade de cada heróis foi muito bem explorada, nos levando a ver que finalmente tais heróis, estavam treinados e com seus poderes e habilidades bem mais aperfeiçoados. Essas cena, ou posso dizer sequência , está fantástica!

A da sequencia que mencionei acima, da perseguição e trabalho em equipe, que acontece o que acaba levando os heróis ao tal “Acordo de Sokovia” e que começa a dividir não só os heróis, mas os expectadores. O que rolou no filme até esse ponto cumpre muito bem a função de nos deixar assim como os “Vingadores” divididos sobre de cada lado ficar.

É sério! Você já pode ir conferir o filme com o seu lado escolhido. Mas ao conferir a história, por diversos momentos você se verá dividido. Talvez em conflito com sua própria escolha de lado nessa “guerra”. A história realmente fez com competência isto. Nos coloca em dúvida, nos deixa grande parte do filme sem saber para o que torcer ou o que seria melhor para todos. E isso é maravilhoso!

O vilão principal do longa, nem mesmo apareceu nos trailers, mas é ele que age durante toda a história de alguma forma… Barão Zemo. parte da história do Soldado Invernal também é trabalhada no filme, fazendo com que o público adentre um pouco mais nas histórias das HQs do Capitão América, trazendo assim várias pontas que podem vir a serem trabalhadas futuramente no Universo Cinematográfico da Marvel.

Os Novos Heróis… Sensacionais!

A chegada do pantera Negra aos filmes da Marvel, não podia ter sido em melhor hora, ou filme. Um personagem denso, mais sério, com uma “pegada” de “O cara que faz o que é certo” muito boa. Suas habilidades são outro show à parte. É lindo demais ver todas as sequencias onde ele estreia seu uniforme, ou devo dizer… armadura. A própria história do personagem, como ele entrou na adaptação, foi genial. Um personagem que já deixou os fãs alucinados e dizendo por mim… louco pelo filme do próprio!

E a entrada carismática do Homem Aranha nessa equipe de heróis? Caramba gente…. um outro espetáculo à parte! Todos estavam certos ao elogiar a escolha do ator para o papel, mas também devo pontuar aqui, a escolha do roteiro e da adaptação do personagem para a história, pois todos juntos resultaram no sucesso que esta sendo em cena. O personagem carrega a essência não só do homem aranha, mas do Peter Parker. O cara conseguiu mandar bem nas duas personalidades. Outro ponto que observei e gostei demais foi na humildade do personagem, que tem computador e um bando de outras coisas, tudo de segunda mão, e se virá super bem com o que consegue. A forma com que o Herói entrou na história também foi muito funcional, não deixou questionamentos sobre nada.

O Homem Formiga… Caramba!!! também roubou várias cenas… o cara sabe fazer bem isso né?! hehehehe mas foi! E teve uma baita de uma surpresa com ele, que fez o cinema inteiro vibrar. Fora seus diálogos repletos de humor e utilizados na hora certa. Suas habilidades então… foi super irado vê-las em cena com outros heróis.

O Falcão é outro que surpreendeu a todos! O herói apareceu amis forte e habilidoso do que nunca. Deu show em cada cena de perseguição e combate. Ficou lindo de se ver suas cenas!

A Escarlate foi outro personagem que teve um belo de um destaque. Suas habilidades estão mais que treinadas no longa. É outro show á parte. Ela voa, detêm explosões, atira ou segura coisas… uma surpresa atrás de outra. A presença do poder feminino veio com tudo nessa adaptação!

A Viúva Negra é outra… um outro espetáculo suas cenas de luta e habilidade! Melhor do que nunca!

A hora que cada lado resolve “montar” seu time, e o que motivou essa necessidade é bastante plausível também, fora divertido. Agora eu digo, até ai eu já estava muito entusiasmado com o filme, mas confesso que não surpreendido. Ai vem a cena do aeroporto…

Ai tchau mundo cruel!!! heheheh o verdadeiro espetáculo estava começando! Eu não calava a boca, mas acho que ninguém era capaz de me ouvir. Eu falava sozinho, eu falava com meus amigos, eu mexia meus braços, eu cutucava quem estava do meu lado, eu, eu, eu… eu fiquei mega empolgado com aquilo tudo! Uma sequência melhor que outra. Uma habilidade sendo melhor trabalhada do que outra…. referências… poderes… diálogos poderosos… piadas nos momentos certos… e surpresas, as melhores surpresas e inesperadas surpresas!

Novas tramas entraram em cena no Universo Cinematográfico Marvel, preciso citar uma: Uma das prisões de super vilões, a aquática… caramba, surtei com aquilo!!! E já imaginei mil possibilidades futuras com a inserção disso nesse universo.

O desfecho final, ficou com a conclusão de assuntos do passado, algumas tramas que ainda podem ser trabalhadas no futuro e claro… com a briga espetacular do Capitão América com o Homem de Ferro. Muito boa! Não deixou a desejar! teve sangue, socos, habilidades, quedas, ódio, raiva, magoas… um último ato para finalizar o show que este filme foi.

guerra_civil_gif.

A minha sensação ao acabar o filme foi indescritível! Não me lembro de já ter sentido tudo o que senti, ou se senti algo próximo, já havia esquecido!

A fórmula de sempre mais que renovada, Reformulada!
Resultando num filme que já é sucesso não só em criticas positivas ao redor do mundo, como na maioria dos fãs que já assistiram.

Um filme que já é considerado o Melhor filme da Marvel, e um dos Melhores de Heróis já feitos. Estou certo ao dizer, que este é um novo marco do gênero de filmes de heróis/Hqs na história do Cinema. Um filme que vai ser lembrado… comparado… e quem sabe, utilizado como exemplo!

A reunião e o combate entre vários heróis, não poderia ser mais perfeita do que foi em cena em Guerra Civil, que apesar de ser diferente das HQs, vale lembrar que isso aqui é uma “Adaptação” para os cinemas, e que desse filme, muitas coisas boas ainda estão por vir.

E para terminar… é isso galera… um filme SURPREENDENTEMENTE ESPETACULAR!
Por Bruno Vieira

Anúncios
Sobre Bruno Vieira (761 artigos)
Estudante de Comunicação Social – Publicidade, tem 27 anos e adoraria se lembrar do primeiro filme que viu em sua vida, mas o que passa em sua mente são flashs de sessões da tarde, com muitas aventuras, romances e filmes de terror da década de 80 e 90. Aprendeu a amar e se emocionar ( e tem prazer em chorar ) com o gênero drama. Gosta de comédia e ação e adora musicais e fantasia. Outro amor são as animações, filmes de heróis e tudo aquilo que faça qualquer um viajar com o poder da imaginação. Se identifica muito com o personagem Woody (Toy Story) pelo o quanto ele valoriza e faz pelas amizades. Um herói? Claro… O Homem-Aranha.

1 Trackback / Pingback

  1. [Segue a Trilha] Alt-J na Trilha Sonora de Capitão América: Guerra Civil | Clube de Cinema Petrópolis

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: