Confira!

[Notícia] Anna Muylaert e outros sete brasileiros são convidados para votar no Oscar

Brasil-no-Oscar

A Academia de Artes e Ciências Cinematográficas convidou nesta quarta-feira um número recorde de 683 artistas e executivos para passar a integrar o corpo da instituição. Os convites deixam clara a intenção da Academia de promover a diversidade depois das críticas que recebeu por não ter indicado nenhum ator negro no último Oscar. Ao todo, 46% dos novos membros são mulheres, e 41% não são brancos.

Há brasileiros na lista, como Anna Muylaert, diretora de “Que horas ela volta?” (2005), e Alê Abreu, da animação “O menino e o mundo” (2013), que concorreu à estatueta este ano. Ao GLOBO, Anna disse que aceitará o convite.

Outros brasileiros são Rodrigo Teixeira, produtor de “A bruxa” (2015), “Frances Ha” e “O cheiro do ralo” (2006); Antonio Pinto, compositor dos documentários “Amy” (2015) e “Senna” (2010); Lula Carvalho, diretor de fotografia de “Tropa de elite” (2007); Renato dos Anjos, animador de “Frozen” (2013); Affonso Gonçalves, editor premiado pela série “True detective”, também responsável pelo corte de “Carol” (2015) e “Inverno da alma” (2010); e Pedro Kos, montador de “Lixo extraordinário” (2010). A uruguaia Barbara Alvarez, diretora de fotografia de “Que horas ela volta?”, também entrou na lista.

Até então, a Academia tinha 75% de seus integrantes compostos por homens. A porcentagem pode cair para 73% caso os novos convidados aceitem a proposta. Em relação à presença de pessoas brancas, o número pode mudar de 92% para 89%.

Os integrantes são realocados em diferentes departamentos, dependendo da especialidade de cada artista ou executivo, e são responsáveis, entre outras coisas, por indicar e premiar filmes no Oscar. Até o começo deste ano, a instituição tinha 6.261 membros.
Reprodução Site O Globo

Anúncios
Sobre Bruno Vieira (760 artigos)
Estudante de Comunicação Social – Publicidade, tem 27 anos e adoraria se lembrar do primeiro filme que viu em sua vida, mas o que passa em sua mente são flashs de sessões da tarde, com muitas aventuras, romances e filmes de terror da década de 80 e 90. Aprendeu a amar e se emocionar ( e tem prazer em chorar ) com o gênero drama. Gosta de comédia e ação e adora musicais e fantasia. Outro amor são as animações, filmes de heróis e tudo aquilo que faça qualquer um viajar com o poder da imaginação. Se identifica muito com o personagem Woody (Toy Story) pelo o quanto ele valoriza e faz pelas amizades. Um herói? Claro… O Homem-Aranha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: