Confira!

[Especial] A Hora do Pesadelo 4 – O Mestre dos Sonhos (1988)

nightmare4-07

Mostrando que não podia ficar muito tempo longe dos cinemas, Freddy ganhou seu quarto filme em 1988, dirigido por Renny Harlin (de Exorcista: O Início) e escrito por William Kotzwinkle, Brian Helgeland (roteirista de Sobre Meninos e Lobos) e os irmãos Jim e Ken Wheat, criadores do personagem Riddick, vivido por Vin Diesel nos cinemas. O diretor faz também uma ponta como um estudante na escola.

Kincaid, Joey e Kristen, o trio de adolescentes que sobreviveram no filme anterior, retornam, só que Kristen troca de atriz, desta vez sendo interpretada por Tuesday Knight (do seriado Heroes). Kristen começa a ter sonhos que indicam o retorno de Freddy, puxando seus dois amigos para lhe proteger. Eles não gostam da ideia e tampouco acreditam no retorno do vilão, até que Kincaid tem um sonho no local onde Freddy foi enterrado. Lá, seu cachorro Jason (com certeza uma homenagem ao vilão da cinessérie Sexta-Feira 13) acha o local onde está o corpo de Freddy e desta vez o vemos literalmente se erguendo da cova.

Kincaid e Joey morrem rapidamente e Freddy parte para cima de Kristen, a última criança da Rua Elm. Ele a mata, mas não antes que ela passe sua habilidade para Alice (Lisa Wilcox) sua melhor amiga e irmã de seu namorado, Rick (Andras Jones).

A mudança na trama é que tendo matado os alvos de sua vingança, Freddy aparentemente não pode entrar nos sonhos dos outros, apenas nos de Alice, que herdou os poderes de Kristen. Mas isso não é problema para o maníaco, que obriga Alice a usar sua habilidade, matando seu irmão e amigos.

Porém, enquanto Freddy se alimenta das almas de suas vítimas, Alice também ganha vantagens a cada morte, acumulando habilidades e características de seus falecidos companheiros. Ao final, conseguindo salvar Dan (Danny Hassel), com quem começa um namoro ao final do filme, Alice ataca Freddy com um espelho (parece que os roteiristas decidiram dar a Freddy a fraqueza da Medusa), o que faz com que as almas aprisionadas com ele se rebelem, o destruindo de dentro para fora. Ao final, é claro, uma pequena ponta está presente, com Alice vendo o reflexo de Freddy brevemente em uma fonte.

Novamente Englund ganha ainda mais espaço, principalmente graças ao humor negro intensificado nas mortes. O ator chega a aparecer sem sua maquiagem de Freddy, quando o vilão se traveste de enfermeira em uma cena.

HQManiacs

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: