Confira!

[Cinema Mudo] O Circo (1928)

Filme-o-circo

Dando continuidade ao nosso especial sobre o Cinema Mudo… O Escolhido da vez, mais um filme do Charlie Chaplin, é “O Circo” de 1928.

O filme é uma gostosa e divertida comédia, com uma pegada de romance, onde o Vagabundo (Chaplin), ataca meio que de cupido enquanto vive hilariantes aventuras num circo.

Chaplin-o-circo

Sinopse:
Um batedor de carteiras (Steve Murphy) está agindo em meio a multidão. Para evitar que seja pego, ele coloca uma carteira roubada no bolso do vagabundo (Charles Chaplin), sem que ele perceba. Quando a polícia se afasta, o batedor volta para recuperar o dinheiro perdido. O vagabundo foge, tanto do batedor quanto da polícia, e acaba entrando sem querer no picadeiro de um circo local. Suas trapalhadas fazem enorme sucesso junto ao público, sem que ele perceba. O dono do circo (Al Ernest Garcia) resolve então contratá-lo e fazer dele sua atração principal.

Poster-O-Circo-1928

O filme em preto e branco e mudo, tem cerca de 1 hora e 12 minutos. E Você pode conferir em excelente qualidade disponibilizada no Youtube, no seguinte link:

No elenco: Charlie Chaplin, Al Ernest Garcia, Merna Kennedy, Harry Crocker, George Davis e Henry Bergman.

Algumas Curiosidades do Longa:

– É o último filme totalmente mudo feito por Charles Chaplin. Ele ainda faria Luzes da Cidade (1931) e Tempos Modernos (1936), mas ambos possuíam música sincronizada na trilha sonora e efeitos sonoros;

Chaplin-O-Circo

– Chaplin praticou como andar na corda bamba por semanas, antes do início das filmagens. Ele realmente gravou a cena a 12 metros de altura, mas o negativo onde estava gravada foi perdido. Chaplin então rodou-a novamente mas, segundo o próprio, a cena não ficou tão boa quanto a original;

– As filmagens ocorreram entre 2 e 19 de novembro de 1927;

O-Circo-Filme

– Durante as filmagens Chaplin teve uma crise nervosa, devido a problemas pessoais que passava e também pelo fato de seu estúdio ter sido destruído por um incêndio;

– Inicialmente Charles Chaplin seria indicado ao Oscar de melhor ator, por O Circo. Entretanto, a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas resolveu retirar esta indicação e lhe dar um Oscar honorário, em reconhecimento ao seu trabalho como produtor, diretor, ator e roteirista no filme;

cena-filme-o-circo

– Foi relançado nos cinemas americanos em 1969. Esta versão teve uma música cantada por Charles Chaplin, que na época tinha 80 anos;

– Seu orçamento foi de US$ 900 mil.

Já conferiu o longa ou se interessou em conferi-lo?

Conta pra gente! 😉

Anúncios
Sobre Bruno Vieira (760 artigos)
Estudante de Comunicação Social – Publicidade, tem 27 anos e adoraria se lembrar do primeiro filme que viu em sua vida, mas o que passa em sua mente são flashs de sessões da tarde, com muitas aventuras, romances e filmes de terror da década de 80 e 90. Aprendeu a amar e se emocionar ( e tem prazer em chorar ) com o gênero drama. Gosta de comédia e ação e adora musicais e fantasia. Outro amor são as animações, filmes de heróis e tudo aquilo que faça qualquer um viajar com o poder da imaginação. Se identifica muito com o personagem Woody (Toy Story) pelo o quanto ele valoriza e faz pelas amizades. Um herói? Claro… O Homem-Aranha.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: